Prefeitura construirá 260 apartamentos para famílias de baixa renda

A construção das residências faz parte do programa do Governo Federal “Casa Verde e Amarela” e terá valor de entrada reduzido ou até mesmo zerado.


A Prefeitura de Cachoeirinha, através da Secretaria de Assistência Social, Cidadania e Habitação (SMASCH) construirá 260 apartamentos para as famílias de baixa renda, com renda mensal bruta limitada a R$4.000,00 (um a três salários-mínimos).


A construção faz parte do programa do Governo Federal “Casa Verde e Amarela” e já está autorizado pelo Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR). A próxima fase será uma reunião com a Caixa Econômica Federal, onde será abordado sobre os critérios de financiamento.


Por meio desta parceria, o valor de entrada da casa própria para as famílias será reduzido ou até mesmo zerado. Entretanto, a prefeitura entrará com uma contrapartida mínima obrigatória de 20% através da cedência do terreno, que complementa os descontos concedidos pelo Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), possibilitando esse benefício às famílias.


Os apartamentos serão construídos na Av. Ari Rosa dos Santos, próximo ao estádio Cruzeirinho e todos os apartamentos terão o primeiro piso com acessibilidade.


Confira as fases do programa:


1) Projeto e cadastramento no MDR

2) Tratativas de financiamento com a Caixa

3) Processo licitatório com a empresa que construirá em paralelo com o cadastramento das famílias

4) Contemplação feita pela Caixa dos cadastrados

Desde o início do mandato, a nova gestão procurou estabelecer a busca de diversos projetos e parcerias junto ao governo federal.


O secretário da SMASCH, Eder da Silva, comenta sobre mais detalhes do programa: “há mais de 10 anos Cachoeirinha não tinha um projeto habitacional, estamos muito felizes com a chegada desses 260 apartamentos populares. As famílias farão a inscrição e a Caixa realizará a análise de crédito e através da parceria da prefeitura com o governo federal, essas famílias terão uma redução no valor de entrada ou até mesmo isenção. Importante salientar que o cadastramento iniciará após a reunião com a caixa, quando as tratativas já estiverem concretizadas”.



Conheça o novo programa de Habitação Popular do Governo Federal “Casa Verde e Amarela”:


O programa foi criado em 2020 com o objetivo de combater o déficit habitacional em todos os seus componentes e facilitar o acesso da população à moradia digna. Além da produção de moradias (subsidiadas ou financiadas), o programa traz novas modalidades, como a regularização fundiária, a melhoria habitacional e a locação social.


A “Casa Verde e Amarela” tem as menores taxas de juros para o crédito imobiliário de até 4,25% nas regiões Norte e Nordeste e 4,5% nas demais regiões.

0 visualização0 comentário